O mundo das flores é muito rico e, quando começamos a analisá-lo de perto, tende a nos surpreender com suas incríveis características. 

As flores são estruturas vivas que se desenvolvem sobre o solo, sobre a água ou até mesmo sobre outras plantas. Ou seja, são várias as formas que encontram para sobreviver. 

FLORES AEREAS

Nesse cenário, cada uma delas apresenta características diferentes. A forma com que nascem e vivem influencia diretamente nas coisas que precisam para sobreviver. 

Terra, água e ar

Basicamente, podemos dividir as flores e plantas em três tipos. Então, quando você encontrar uma delas, você já sabe que elas podem ser:

  • Terrestres;
  • Aquáticas;
  • Aéreas.

A diferença está exatamente na forma com que esses vegetais vivem. Então, continue lendo para saber um pouco mais sobre cada um deles. 

Flores terrestres

É um tipo de planta que se desenvolve na terra ou entre as rochas. A ideia aqui é que elas não conseguem crescer em meio a água, por exemplo. 

Como exemplo podemos citar a samambaias. 

Flores aquáticas

Nesse caso estamos falando de plantas que se desenvolvem em rios ou lagos e precisam estar dentro da água. Estar submerso é uma das características dessas flores. 

Nesse caso, um dos exemplos mais conhecidos é a vitória-régia. 

Flores aéreas

As flores aéreas são aquelas que se desenvolvem em um espaço mais distante do solo. Então, não é preciso contato direto com o solo ou com a água para sobreviver. 

Um dos exemplos mais conhecidos é a orquídea. Ela se desenvolve sobre outras plantas e suga nutrientes e água dela. 

Plantas parasitas

As plantas aéreas são consideras plantas parasitas, uma vez que sugam água e nutrientes de outra planta. A orquídea, apesar de linda, se enquadra nesse quesito. 

Como planta aéreas, elas precisam de outra planta para conseguirem se manter fortes. Então, é preciso usar toda sua força para retirar a energia do hospedeiro. 

Espécies de orquídeas 

Atualmente existem cerca de 36000 espécies de orquídea e, graças aos híbridos criados em laboratório, esse número aumenta dia a após dia. 

As espécies podem ser separadas em cerca de 1800 gêneros diferentes. Porém, para ficar mais fácil, saiba que os mais comuns são os seguintes:

Esses tipos, principalmente o primeiro da nossa lista, são mais resistentes. Assim, mesmo quem nunca trabalhou com estas flores pode conseguir bons resultados. 

Conclusão

Como você viu, as flores podem ser terrestres aquáticas e aéreas. Além disso, as orquídeas são as maiores representantes das flores aéreas, com milhares de opções de escolha. 

FLORES TERRESTRES E FLORES AÉREAS!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *